Essas Coisas que Acontecem Na Vida, Quando Você Está Fazendo Planos

Essas Coisas que Acontecem Na Vida, Quando Você Está Fazendo Planos

Essas coisas que acontecem na vida, quando você está fazendo planos.

(Tradução pela bela Karol Franco. E eu ainda estou aprendendo.)

Uau… Tudo bem. Então….

Quando eu estava começando a formular minha grande fuga de Los Angeles, para partes desconhecidas ao redor do mundo, a fim de tornar-me indefinidamente um aventureiro Nômade Digital …. bem … o telefone tocou.

“Olá?”

“Oi. É Christopher? ”

“Até agora.”

“Christopher Emerson, fundador da Startup Tecnologia de realidade virtual SpherePlay?”

“Ssssim.”

” Christopher Emerson, fundador da Startup Tecnologia de realidade virtual SpherePlay, nós gostaríamos de aceitá-lo em nosso programa de aceleração de investimento e para isso, gostaríamos de dar muito dinheiro para começar? ”

“DIABOS-UAU-UH-HUH-BAM-SMACK-DUM-CERTO-CARAMBA !!!!”

Eu poderia estar parafraseando um pouco como foi aquele telefonema. Mas … em um piscar de olhos, minha vida tomou um rumo muito inesperado.

SpherePlay é a minha primeira startup de tecnologia como um empreendedor e algo  que tenho dedicado muito tempo ao longo do último um ano e meio.

Eu sempre quis lançar uma empresa de tecnologia de minha autoria e meus interesses em realidade virtual vem desde que eu tinha apenas 8 anos de idade.

Naquela época, havia um anúncio de que uma das primeiras demonstrações públicas de realidade virtual  ao consumidor seria em uma exposição no campus da Universidade de Berkeley, perto de San Francisco, Califórnia. Meu pai e eu pegamos a estrada partindo de  Reno, NV  para experimentar esta incrível tecnologia ultramoderna, destinada a revolucionar o mundo!

Christopher Emerson - SpherePlay - Virtual Reality Road Trip

Especialmente para os padrões da tecnologia de hoje, todos os equipamentos que foram mostrados, a fim de experimentar um mundo gerado por computador, eram de forma muito grosseiras e comicamente ENORMES, estupidamente pesados, muito volumosos, difíceis de controlar, feios como o inferno, caros pra c#ralh%, e muuuito lentos. Em outras palavras…. foi um CHUTE NO SACO!!!!

Christopher Emerson - SpherePlay - Virtual Reality

Eu com 8 anos de idade: “Você está me dizendo pra colocar esta caixa de sapatos de plástico pesado na minha cabeça e começar a olhar ao redor dentro de um jogo de vídeo como se estivesse lá ?! ESCREVA BURRO NA TESTA !!! ”

Realidade virtual ao Consumidor teve uma morte rápida em meados dos anos 90, devido à cada limitação listada acima. A tecnologia não estava nem perto de estar lá para sair do sonho de um sensação de realidade virtual verdadeiramente envolvente, sem emenda, com poderosa sensação de presença de realidade virtual para o usuário.

Christopher Emerson - SpherePlay - Virtual Reality 90s

Pule duas décadas …. Uma pequena empresa chamada “Oculus” tem uma das campanhas mais bem-sucedidas do Kickstarter de todos os tempos. Levantando X # de bejesus $ enquanto o promissor renascimento e realização do Santo Graal perdido da realidade virtual … presença de verdade.

Minha criança interior, que ainda tem cerca de 8 anos de idade, como que despertasse de um longo cochilo como Smaug, o Dragão, começou a pular para cima e para baixo e correr por todo o parque interior / tesouro de minha mente, gritando com alegria que os sonhos da realidade virtual estavam vivos novamente. E desta vez, toda a tecnologia está aí à disposição, necessitando apenas de ser do tamanho de um grande par de óculos de esqui e como featherlight.. Agora, realmente seremos capazes de ser transportados para mundos fotorrealistas e alcançar de uma vez por todas indescritível sensação de …. presença. Aquela sensação de como se estivéssemos realmente lá.

Eu escrevi um artigo inteiro sobre o assunto tecnologia para um amigo blogueiro, Juan Carlos Bagnell, mais conhecido como SomeGadgetGuy, detalhando a minha opinião sobre o passado, presente e futuro da VR. Confira!

“Sua nova realidade está pronta – Um olhar sobre a mais nova realidade aumentada e virtual da GDC”

por Christopher Emerson

Foi naquele evento, GDC 2014, em San Francisco, que me bateu! BAM! Fiquei impressionado com uma idéia. Uma idéia boa o suficiente para se transformar em uma empresa inteira de tecnologia.

Eu finalmente me perguntei: “E se eu criasse minha própria empresa startup de tecnologia nessa onda de renascimento da realidade virtual?”

Minha criança interior parou, girou nos calcanhares. Olhou para mim, ansiosa por antecipação. Um sorriso de determinação no canto dos lábios. Uma única lágrima formando debaixo da pupila dilatada. Isso significaria algumas mudanças sérias de vida, talvez alguns sacrifícios significativos dalí por diante, se nos comprometêssemos a isso. Poderíamos fazer isso? Avaliamos um ao outro como se jogando “frango” no parque infantil. Cada um esperando que o outro fizesse o próximo movimento. “O que vai ser?” Então, em uma espécie de grito de guerra auto interior/exterior em uníssono: “Vamos fazer isso!”

SpherePlay nasceu.

SpherePlay LOGO Virtual Reality

Agora, um ano e meio de e-mails, sites, telefonemas, reuniões de investidores, pombos correio, formação de equipes, desenvolvimento de engenharia, e muita aprendizagem … aqui estamos nós.

Um único telefonema … há duas semanas … me levou a este momento. Agora, eu estou escrevendo este post para você em um avião para Montreal. Eu estarei vivendo em Montreal em parte, pelo menos, dos próximos 3-4 meses. Talvez mais, significativamente.

mtlmov1

Haverá várias viagens a trabalho, mas a minha vida tomou um grande e repentino desvio de onde eu pensei que estava indo, em um curto espaço de tempo.

Antes de tudo isso acontecer, eu estava prestes a escrever um post de acompanhamento para revelar a minha grande decisão de onde no mundo eu iria começar minha viagem de Nômade Digital, uma vez que o prazo auto-imposto era por volta de 11 de Janeiro de 2016.

Um pequeno segredo cá entre nós, meu caro leitor … de todas as escolhas que eu estava pensando … Eu estava inclinado à começar nas profundezas da América do Sul, Patagonia, Chile e Argentina, então seguir pelo Brasil e em qualquer outro lugar nas Américas.

Planet Emerson: World Travel Digital Nomad - South America

Planet Emerson: World Travel Digital Nomad – South America

Então … um sonho está se tornando realidade enquanto outro vai ser colocado em espera por um tempo. Ou melhor, se transformando em uma diferente e nova aventura. Embora eu não ache que deixaria Los Angles até Janeiro … e embora não estivesse na minha lista de considerações de destino … meu blog de viagens e aventuras como nômade digital começa agora mesmo em …

Montréal, Canadá!

A vida é muito louca … Né?!

***

SpherePlay tem seus primeiros investimentos oficiais como uma empresa de tecnologia visando revolucionar a forma como partilhamos o mundo com os outros.

SpherePlay dá-lhe a capacidade de capturar e salvar suas memórias fora de si mesmo … de uma forma que permite que outras pessoas pisem dentro deles e livremente, olhem ao seu redor, experimentando esses momentos como você se lembrava deles.

Os pontos turísticos, os sons, a intimidade, a escala e o escopo … a presença de tudo.

SpherePlay é o quadro de distribuição de experiências humanas.

 ***

Cadastre-se para atualizações gratuitas e oportunidades de encontros durante as futuras viagens, entregues diretamente em sua caixa de entrada!


No spam. Zero. None. Nada. Not on my watch. Only sending you the good stuff!
Christopher Emerson
Follow me

Christopher Emerson

Hi there and welcome to Planet Emerson: World Travel!I'm documenting my crazy journey into happy homelessness as a world travel blogger.I'm also a voice recording artist who makes his way through the world voicing characters for video games, animation, radio, TV, and movies. I'm the founder & CMO of SpherePlay. Owner: Mana Wines. Juggler. Helicopter pilot. And lover of life and art. *** Periscope me!! - @PlanetEmerson ***
Christopher Emerson
Follow me